TROPICALIA MPB 267: 3 hours of Brazilian party !

Hermeto et la Pensée Positive! (photo internet)
Hermeto et la Pensée Positive! (photo internet)

Excepcionalmente neste início de ano, o programa transmitido em inglês e francês (Tropicália North Frequency n° 8, já on-line em podcast), e Tropicália MPB 267, se estendem ao longo de três horas, a pedido dos criadores da Rádio Judaica Bélgica. Longo demais para um podcast? Então qual é a duração perfeita para um podcast? Vamos, estou esperando! Vocês desligam seu rádio depois de 20 minutos? 40 minutos? Uma hora no máximo? E os webradios? Para um programa educativo, a duração é um inimigo, tenho que admitir!

Mas o que eu estou vendo no título da postagem? A palavra “Party”, festa… Vou lhes dar uma dica: deixem os artistas fazerem, e só cabe a vocês, caso queiram, deixar a música como pano de fundo sonoro, e, de vez em quando, uma música chamará sua atenção. Uma música que toca fundo no seu coração.

Ou ainda, nada obriga vocês a escutarem 3 horas seguidas. Resumindo, mais um debate fútil (Ai! Que chato!), pois independente do que for, é “coisa caprichada”, que eu tentei preparar com cuidado para vocês, misturando estilos, gerações e regiões! So, let’s play the music and dance!

 

Hermeto Pascoal: “Pensamento positive”
Hermeto Pascoal: “Forró da gota pra Sivuca”
Alceu Valença: “La belle de jour/ Girassol”
Totonho & Os Cabra: “Glacial”
Anelis Assumpção: “Você tá com tempo ? ”
Banda do mar: “Mais ninguém”
Arrigo Barnabé: “Pô, amor é importante!”
Carlos Careqa: “Psycho maloca”
Casuarina: “Saudade da Bahia”
Eddie: “Tentei te ligar”
Eddie: “Vida boa”
Zélia Duncan: “Porque eu não pensei nisso antes? ”
Zélia Duncan & Jacques Morelenbaum: “Caxangá”
Gal Costa: “Pérola negra” (live 2017)
Carlos Navas: “Sem destino”
Metá Metá: “Trovoa”
Adriana Calcanhotto: “Nervos de aço”
The Baggios: “Aqui vou eu”
Banda Biltre: “Cobra coral”
Claudio Zoli: “Olhos verdes”
Autoramas: “Rolo compressor”
Clara Gurjão: “Vou te esperar”
Clima: “Fica onde esta”
Ed Motta: “Héritage déjà vu
Fernanda Abreu: “Outro sim”
Nila Branco: “Dessa vez”
Alice Caymmi: “Inocente”
Ana Costa: “Um dom dos bambas”
César Lacerda: “Me adora”
Chico Buarque: “Jogo de bola”
Cris Braun & Dinho Zampier: “Doña Rita de Quevedo”
Davi Moraes: “Recife, cidade lendária”
Diogo Nogueiro (c/ Hamilton de Hollanda): “Munduê”
Erasmo Carlos: “Coqueiro verde”
Felipe Cordeiro: “É fogo”
Silva: “Verdade, uma ilusão”
Roberto Menescal & Leila Pinheiro: “Contemplação”
Rafa Barreto: “Homen Pássaro”
Pabblo Vittar & Preta Gil: “Decote”
Paulo Miklos: “Todo grande amor”
Arnaldo Antunes: “Socorro”